segunda-feira, 31 de julho de 2017

O Lar das Crianças Peculiares

Assisti O Lar das Crianças Peculiares (2016) de Tim Burton no Telecine Premium. O roteiro é baseado no livro de Ransom Riggs que queria ler, e agora não quero mais. Queria muito ver, senti de não ter visto nos cinemas. Fiquei eufórica quando vi que ia estrear no Telecine e não quis fazer outra coisa a não ser assistir. Gostei! Mas a expectativa era alta demais e é só um bom filme. Achei que seria muito, mas muito original, é um pouco previsível, esquemático. A parte real é um pouco longa, enfim, me decepcionei bastante.

Os personagens mágicos são uma graça, mas aparece mesmo quase só o garoto. Miss Peregrine só vira pássaro uma única vez, enfim, achei que a parte mágica foi pouco explorada. E o corre corre no final clássico de filmes americanos foi previsível. Esperava muito mais originalidade. Não sei se é só um problema do filme, ou se o livro é óbvio também.

Adoro a Eva Green. O protagonista que aparece demasiadamente é bem chatinho e é interpretado por Asa Butterfield. Judi Dench faz uma pequena participação, inclusive desaparece, nem sabemos onde ela vai parar. O avó do garoto é interpretado por Terence Stamp. O pai do garoto é chatíssimo e alcoólatra. Incrível como o filme perdeu mais tempo com os personagens chatos do que com os mágicos do bem. Samuel L. Jackson é o vilão. 

As crianças peculiares, as mais interessantes do filme e pouco exploradas, foram interpretadas por Ella Purnell, Pixie Davies, Raffiella Chapman, Finlay MacMillan, Milo Parker, Lauren McCrostie, Hayden Keeler-Stone, Cameron King, Georgia Pemberto e Thomas Odwell. O garoto que está na cama também desaparece e não se fala nada depois.


Beijos,
Pedrita

16 comentários:

  1. Está gravado.
    Mas não vi ontem porque ele é longo (mais de 2h) e eu já estava cansada de vê filmes.
    Ontem, a ventania era tanta que o melhor era nem sair de casa.
    Ficamos vendo filmes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. liliane, é melhor ver descansada, mas é meio cansativo. perderam tempo mais com o q é mais chato. uma pena.

      Excluir
  2. Mais um filme que ainda não assisti.

    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Olá, Pedrita!
    Eu assisti ontem no Telecine, não gostei, achei
    meio confuso.

    Quanto a sua pergunta sobre a exposição eu moro em BH.
    Se um dia vier aqui, não vou querer perder.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. andréa, ah, vc teve a mesma sensação que eu. fiquei bem decepcionada tb. tinha tanta história bacana pra desenvolver. ficaram na realidade com personagens confusos e jogados.
      ai, verdade, esqueci que vc mora em bh, que furo.

      Excluir
  4. Não curto muito esse tipo de filme.
    Big Beijos,
    Lulu
    BLOG | YOU TUBE

    ResponderExcluir
  5. Pedrita, eu gostei muito do filme. Não li o livro, mas amigos leram e falaram que é muito melhor que o filme e que é bem diferente tb. Quero muito ler o livro. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. patry, achei que desperdiçaram muito tempo no mundo atual e exploraram pouco os peculiares. as cenas no hotel, várias são desnecessárias. o pai então... e aquele estranho no hotel, sem função.

      Excluir
  6. Assisti no cinema e achei legalzinho. Só isso.

    Adoro o Asa Butterfield!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. bruxa, podia ser bem melhor né? legalzinho é perfeito.

      Excluir
  7. Oláaáááááá Pedrita
    Gostei do filme, mas esperava mais, como o livro é muito interessante minhas expectativas estavam nas alturas e fiquei um tantinho decepcionada :/
    O autor do livro é cineasta e fotógrafo e a ideia original era fazer um livro de fotos antigas e inusitadas (segundo ele, reais, de colecionadores) que vistas em sequência contariam uma história.
    A arte gráfica é estilo livro antigo e tem um toque sobrenatural, bem trabalhado mistério e gótico.
    A escrita é enxuta e fluída.
    O filme é diferente inclusive algumas das aptidões das crianças peculiares foram até mudadas e não para melhor!
    Bjs Luli
    Café com Leitura na Rede



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. luli, tb esperava muito mais. fiquei curiosa pelo livro q disseram ser diferente. acho que não souberam compilar, quiseram colocar muitos detalhes e perdeu o foco mais legal q são os peculiares. ah, não sabia que tinham piorado as peculiares.

      Excluir
  8. Não faz o meu gênero, mas meu marido viu e achou mais ou menos também, rsrs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. marly, pelo jeito a maioria achou mais ou menos. é isso mesmo.

      Excluir

Bons comentários!