quarta-feira, 29 de julho de 2015

Meu Passado me Condena - O Filme

Assisti Meu Passado me Condena - O Filme (2013) de Julia Rezende no TelecinePlay. Eu não pensava em ver esse filme. O 007 disse que funciona, que é bonitinho e ele tem razão. O 007 gosta muito da Miá Mello. É mais um projeto patrocinado por cruzeiros. Eu adorei S.O.S. Mulheres ao Mar. Eu tive a impressão que os cruzeiros gostaram mais da propaganda do S.O.S.. Já que Meu Passado me Condena tem algumas questões que depõe contra cruzeiros. Meu Passado me Condena é uma bonitinha comédia romântica. 

Se eu soubesse que a Juliana Didone está no elenco já tinha visto antes. Adoro essa atriz. Também gosto do Alejandro Claveaux.

Começa com o casamento em um cartório dos dois protagonistas. Ele é interpretado pelo Fábio Porchat. Eles querem casar logo porque a lua de mel será em um cruzeiro. Eles se conheceram um mês antes e são opostos. Ele é um animador de festas infantis, é o negócio do seu pai. E ela uma economista. No cruzeiro eles descobrem que lá está um outro casal. Ele foi o namorado dela e a esposa foi uma paixão da infância dele. Começa a confusão. Vou falar detalhes do filme: Confesso que acho que a troca de casais bem mais lógica. As explicações para eles ficarem juntos é meio forçada. Pode ser verdadeira, porque com sentimentos nada é lógico, mas a troca parecia mais simpática. Mas essa dupla está em uma série, então tinham que ficar juntos. Já está pronto o segundo filme desse.

Um casal politicamente incorreto atrapalha mais ainda a vida dos dois casais. Eles trabalham no cruzeiro e fazem tudo para extorquir os passageiros. Eles eram casados e estão separados. Os atores são interpretados por Marcello Vale e Inez Viana. Espero que os cruzeiros não tenham funcionários como esses, que fazem tudo para empurrar serviços avulsos para que gastemos mais. O comandante também é politicamente incorreto. Ele é confundido pelo protagonista e pelo seu amigo em uma festa fantasia, e faz uma represália. Prende os dois amigos em uma parte do navio para se vingar. Por um curto espaço de tempo, mas igualmente politicamente incorreto. Imagino que funcionários assim sejam demitidos rapidamente pelo patrocinador do filme. 

Vários atores fazem participações: Catarina Abdalla, Rafael Queiroga, Elke Maravilha, Ernani Moraes e Stepan Nercessian. As locações são lindas. Angra dos Reis, Ilhéus, Salvador, Marrocos e Itália.



Beijos,
Pedrita

segunda-feira, 27 de julho de 2015

Manual de Autodefesa Intelectual

Assisti a peça Manual de Autodefesa Intelectual da Kiwi Companhia de Teatro no Galpão do Folias. O roteiro e direção é de Fernando Kinas. Gostei muito. O texto traz muitos olhares sobre religiões, fé, filosofia, preconceito, marketing, mídia, matemática. Há música ao vivo ou não. São 30 cenas de assuntos variados. Tudo muito inteligente, muitas vezes textos ácidos, montagens em televisão. Há números de mágica, misticismo.

No elenco: Fernanda Azevedo, Maira Chasseraux, Maria Dressler Vicente Latorre. Os músicos são Eduardo Contrera (percussão, violão e flauta) e Elaine Giacomelli (teclados). A direção musical e composições originais são de Eduardo Contrera. Os ágeis figurinos são de Madalena Machado. Gostei dos figurinos parecerem ser mas não são, além de parecerem muito confortáveis. O Manual de Autodefesa Intelectual estreou no Sesc Belenzinho. Está nas últimas apresentações no Galpão do Folias. Lotado. A temporada fica até 2 de agosto.

Gostei bastante do Galpão do Folias. Há uma quadra do Metrô Santa Cecília, tem ótimas arquibancadas, bons e bonitos banheiros, café simpático.

Beijos,
Pedrita

sábado, 25 de julho de 2015

Sexo Frágil: Quem Vai Ficar Com Soraia?

Assisti Sexo Frágil: Quem Vai Ficar com Soraia? (2013) de João Falcão no Canal Viva. Esse programa passava na sexta na TV Globo, bem tarde, nunca tinha visto um episódio todo. É um dia péssimo pra mim. Mas eu acompanhava as transformações do elenco e me divertia. Eles fazem todos os personagens, inclusive os femininos, essa a grande graça do programa. Fazem as esposas, irmãs, mães, namoradas, amigas, é muito engraçado. A série foi criada por Luis Fernando Veríssimo e adaptada pelo Guel Arraes.

Nesse Thiago Fragoso é a estonteante Soraia. Os quatro amigos estão em um trem e ela os seduz. Eles juram amizade, que não vão esconder, mas todos começam a seduzir Soraia escondido. Os quatro são Wagner Moura, Lázaro Ramos, Bruno Garcia e Lúcio Mauro Filho. Nesse Zeu Britto faz um personagem e canta no episódio. Eu vi uma entrevista uma vez, onde eles contavam que no começo eles iam e se vestiam de mulher, mas aí um chegava com um sapato mais bacana, uma unha maior, uma peruca mais interessante, e que eles começaram a se produzir mais, a meio que disputar quem ficava mais parecido com mulher e a mulher mais bonita. 

Beijos,
Pedrita

sexta-feira, 24 de julho de 2015

A Vida em Motéis

Assisti A Vida em Motéis (2012) de Alan e Gabe Posky no Maxprime. Há tempos vi nos canais HBO um trailer desse filme e queria ver. Gostei muito! É a história de dois irmãos que vivem à margem. Todo entrecortado vamos conhecendo os motivos aos poucos. E também vamos conhecendo as personalidades deles. A Vida em Motéis é baseado na história de Willy Valutin.

É muito interessante como o filme é construído, ou animações, entrecortado, misturando passado e futuro. Um dos irmãos é ótimo em contar histórias que podem ser narrada para nós em animações ou em filme. O roteiro também é muito bem construído. Muito bem realizado a trama desses irmãos que vivem sempre unidos, mas sempre em movimento.  Vamos sabendo aos poucos a vida desses dois irmãos. Logo no começo ficamos sabendo que a mãe tinha câncer. Ela aconselha os irmãos adolescentes a fugir senão seriam separados, Vemos em seguida eles fugindo.

O irmão tem dificuldade de reatar o relacionamento com seu grande amor. Lindo o outro irmão dizendo que por eles serem assim, marginais, que dificilmente iriam conhecer pessoas com comportamentos tradicionais. As interpretações também são incríveis. Os irmãos são interpretados por Emilie Hirsch e Stephen Dorff. A bela jovem pela Dakota Fanning, atriz que adoro Os dois irmãos jovens são interpretados por Garrett Backstrom e Andrew Lee. Ainda no elenco estão Jenica Bergere, Joshua Leonard, Noah Harpster, Nancy Youngblut e Kris Kristofferson.

Beijos,
Pedrita

quarta-feira, 22 de julho de 2015

CD Música Brasileira I

Ouvi o CD Música Brasileira I da Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba sob regência de Lutero Rodrigues. Que preciosidade! Começa com uma belíssima obra de Alexandre Levy. Depois o incrível Alberto Nepomuceno. Em seguida Henrique de Curitiba e Pe. José Penalva. Adoro os compositores seguintes: Ernst Mahle, Camargo Guarnieri, Edino Krieger, Osvaldo Lacerda, Ernani Aguiar e Guerra-Peixe, que estão entre os meus compositores brasileiros preferidos. Que CD maravilhoso!

A Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba foi fundada em 1974. 

Beijos,
Pedrita