quinta-feira, 16 de março de 2017

Zelly e Eu

Assisti Zelly e Eu (1988) de Tina Rathborne no Max. Eu vi que é com a Isabela Rossellini que adoro, então coloquei pra gravar. É um triste filme sobre uma menina que perdeu os pais e teve que morar com a avó má. Zelly é a babá. A avó, na roupagem de querer educar, abusa de todos os recursos sórdidos para mostrar poder, força contra a pobre da menina.

A avó manipula, distorce, só para subjugar a menina aos seus caprichos e abusos. Por sorte a menina tem a babá, mas a avó não gosta de que qualquer pessoa dê amor a menina, quer o mal da menina fingindo ser para educá-la. Perversa, vai aos poucos afastando todos a volta da menina para conseguir manipulá-la e maltratá-la. A menina é interpretada pela Alexandra Johnes.

A avó por Glynis Johns. Alguns outros do elenco por: Joe Morton, David Lynch e Kaiulani Lee.
Beijos,
Pedrita

12 comentários:

  1. Olá, Pedrita!
    Realmente é um filme triste porém imperdível!
    Gostei da resenha mesmo a criança passando por tantos
    maus-tratos.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Aaaaiiinnn Pedrita esse vou passar :/
    Não aguento ver maldades com crianças, animalitos e idosos, eu esqueço que é uma representação nas telonas e sofro, desidrato de chorar, sou dessas :(
    Bjs Luli
    Café com Leitura na Rede

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. luli, é bem pesado. nem falei dos animais. eu parava e voltava depois. não conseguia ver direto.

      Excluir
  3. Pedritaa ainda não assisti mas como assim manipula a criança?
    Eita rsrs avó má essa!!

    Beijinhosss ❥
    Blog Resenhas da Pâm

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pamela, como muitos pais e avós, fingem q é bronca para liberar suas perversidades.

      Excluir
  4. Olá, tudo bem? Neste fim de semana, vou correr para assistir Estrelas Além do Tempo.. Deve ser a última semana en cartaz aqui em SP... Bjs, Fabio www.tvfabio.zip.net

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fabio, quero muito ver, não sei se vou conseguir. qd vi já estava em horários à noite, gosto de ver à tarde.

      Excluir
  5. Pelas suas imagens o filme é lindo.
    Vou procurar para gravar.

    ResponderExcluir
  6. Vou querer ver este filme. Embora me doa assistir coisas assim, tenho um certo fascínio (do tipo negativo, claro) pelo lado perverso do ser humano. Acho que eu daria uma boa terapeuta/psiquiatra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. marly, é difícil e triste mesmo. mas eu tb me interesso em ver obras que falam do lado escuro da mente.

      Excluir

Bons comentários!