quarta-feira, 5 de novembro de 2008

O Ultimato Bourne

Assisti O Ultimato Bourne (2007) de Paul Greengrass no Telecine Premium. Como comentei no post de A Identidade Bourne, o Telecine passou esse filme na Super Estréia, mas antes colocou os anteriores na programação e consegui ver os três. Realmente a diferença do segundo e desse é bem grande em relação ao primeiro que é bom, mas tem algumas lacunas, uns momentos arrastados e outros que não convencem. Percebe-se em Paul Greengrass um grande diretor, porque esses dois dirigidos por ele são ágeis, muito bem dirigidos, e muito bem organizados na trama complexa baseada na obra de Robert Ludlum. Como em A Supremacia Bourne, O Ultimato começa com nosso protagonista fugindo da perseguição em Moscou. Nesse aparece um outro grupo interessado em capturá-lo, homens especializados em localizar grupos terroristas. Os três de uma certa forma trilham aquele caminho de filmes americanos mais recentes, mostrar a irracionalidade dessas instituições que em nome de uma segurança ao homem americano praticam verdadeiras atrocidades com outros seres humanos. Esse grupo então que caça terroristas mata qualquer um que possa ser uma ameaça, mesmo que seja um jornalista porque escreveu uma matéria com o que ouviu de uma fonte.

Dessa vez Julia Stiles tem uma participação bem maior. Matt Damon é sempre excelente. Outra que continua no elenco é a ótima Joan Allen. Outros novos que entram nesse episódio são: David Strathairn, eu gosto muito desse ator e ele está muito bem interpretando um personagem desprezível; Albert Finney; Paddy Considine, Joey Ansah e Colin Stinton.
Em O Ultimato Bourne, o Telecine resolveu colocar legendas da música principal, ficou ótimo.
O Ultimato Bourne ganhou 3 Oscars de Melhor Edição, Melhor Som e Melhor Edição de Som e 2 prêmios no BAFTA de Melhor Som e Melhor Edição.

Música do post: Extreme Ways (Bourne's Ultimatum) - Moby

Beijos,

Pedrita

8 comentários:

  1. Nós assistimos a esse filme e foi muito legal. Agora estamos aqui, com outros 2 dessa série que um amigo nosso nos emprestou no sábado e vamos assistí-los.

    O livro é simplesmente fantástico. Vc nao vai se arrepender em lê-lo. Muito rico na história e rico nas informacoes de rodapé.

    Um grande abraco

    ResponderExcluir
  2. Olá Pedrita!
    Mais uma vez Matt Damon revela o grande actor que é, já Julia Stiles é na verdade uma actriz a seguir.
    Beijinhos
    Paula e Rui Lima

    ResponderExcluir
  3. We are calling it:

    Barack Obama, 44th president of the United States of America

    Yes they could. Yes they did.

    Nao comento, porque nao vi.

    Saudacoes outonais de D´dorf!

    ResponderExcluir
  4. Oi Pedrita!!

    Dificilmente eu assisto os filmes que você posta, até porquê mal tenho ido à locadora e não tenho canais de filmes na minha assinatura....enfim!
    Mas um dia, se ainda não assistiu, gostaria de ler uma resenha sua sobre o Filme "E se fosse verdade" com a Reese Witherspoon e o Mark Ruffalo, acho que é assim!

    Beijos e saudades!!!

    ResponderExcluir
  5. Assisti só o primeiro. Preciso ver os outros. Adoro Matt Damon. A música é ótima, né?
    Denise

    ResponderExcluir
  6. São filmes que estão na minha lista e eu não tive tempo de assistir...

    ResponderExcluir
  7. georgia, desde o primeiro que vi fiquei com vontade de ler o livro. adoro filmes que instigam a leitura.

    paula e rui, é verdd

    sheila, eu não vi e se fosse verdade, adoro o elenco, uma hora vou ver. anotado.

    dê, os outros são bem melhores. o diretor é ótimo.

    aqueta, estava na minha lista fazia tempo.

    ResponderExcluir
  8. Pedrita, este foi o único filme da trilogia que vi no cinema. Eu achei fantástico. As cenas de perseguição de carros e dentro das casas ( no alto da cidade) são ótimas. E o Jason sempre dando um show nas lutas, mesmo estando meio gordinho neste filme! Para mim é o melhor!

    Beijos

    ResponderExcluir

Bons comentários!