domingo, 15 de dezembro de 2013

Fantasma

Terminei de ler Fantasma (2001) de José Castello da Editora Record. Eu comprei esse livro em uma banca no centro, a banca resolveu colocar vários livros em promoção por R$ 10,00. Eu estava sem a minha lista de livros que quero ter, fui meio no escuro. Já tinha ouvido falar em José Castello, resolvi comprar. E que surpresa maravilhosa! Fantasma é incrível, que texto. Nosso protagonista não é de Curitiba, mora em Curitiba.

Obra de Mário Rubinski

Ele recebe a visita de um editor para que escreva um livro. O editor aconselha que a cidade seja Curitiba e que para começar ele escolha como personagem alguém da cidade. Começa o dilema de nosso protagonista. É uma delícia acompanhar os seus raciocínios e viagens. Fantástico! O protagonista decide que o seu personagem será Paulo Leminski. O poeta era de Curitiba, mas tanto ele como a cidade não se gostavam, como se sente nosso protagonista. Em alguns momentos o Fantasma é hilário. Ele cruza com uma vidente que diz que "Paulo Leminski não morreu". Ele resolve então investigar. Ele sabe que morreu, mas... É tudo genial! Inteligente, engraçado em vários momentos. Daria um incrível filme! Espero que alguém filme esse livro. Claro, precisará ter muito menos texto, uma pena, porque é incrível, mas é genial. Também gostei que para explicar suas escolhas o protagonista menciona várias vezes poemas de Paulo Leminski, mas não como uma profecia, mas com raiva mesmo. O texto é muito inteligente. Paulo Leminski é o Fantasma
E como lembrou nossa amiga blogueira Liliane do Paulamar, José Castello é o autor da biografia de Vinícius de Moraes.

Obra Trabalhadores de Café (1953) de Nilo Previdi

Trecho do poema de Paulo Leminski que está no livro:

"Ainda
Confundo
Felicidade
Com este 
Nervosismo."

Os dois pintores e o compositor são de Curitiba como Paulo Leminski.

Hoje, dia 15 de dezembro, é dia de festa aqui no Mata Hari e 007 que completa 12 anos de existência. Caramba! Até eu me assusto com tanto tempo. A cada mais ou menos dois dias em média nesses 12 anos postei algo da minha vida cultural e continuo me achando incompleta e com pouca informação, comparado aos meus amigos. Fiquei feliz de o post ser de um livro que li nessa comemoração. E com uma analogia de Fantasma já que Pedrita sou eu e não sou, Mata Hari sou eu e não sou e o 007 é um quase Fantasma daqui como o personagem do livro. Ainda sou amiga do ex-blogueiro que fez esse banner e vou avisá-lo.

Beijos,
Pedrita

18 comentários:

  1. Parabéns pelo aniversário do blog. Sucesso pra vc. Não sabia que conhecia a Lara, que legal!
    Obrigada por participar da nossa festa virtual.
    Big Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. lulu, obrigada, conheci a l@ra no rj. nos vimos algumas vezes por lá.

      Excluir
  2. Parabéns, Pedrita! Vida longa ao blog! Seu blog é um blog cultural muito completo! Admiro a sua dedicação ao blog e admiro o seu cuidado com a apuração das informações que você publica aqui. Beijos !

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia, parece genial!! Tem muito livro por preço bom, é só saber procurar e gostar de descobrir.

    Parabéns pelos 12 anos do blog. Sem dúvida, um dos melhores! Simples, bonito, com muita informação. Que dure muitos anos mais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. bruxa, foi uma promoção daquele dia. como eu tenho listas enormes, e sempre quer ter bons livros pra ler, costumo aproveitar as oportunidades q aparecem.

      Excluir
  4. Primeiro parabéns pelo aniversário e longevidade do blogue, são poucos os que sobrevivem tantos anos e mais ainda com uma atividade tão frequente e no domínio cultural. Já há uns anos largos que mantemos a troca de ações culturais neste espaço, espero que assim seja possível por muitos mais anos.
    Não conheço o escritor e como por norma não leio livros no domínio de terror e paranormal o título não me chamaria à atenção, mas por vezes somos mesmo positivamente bem impressionados quando não estávamos à espera.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. carlos, obrigada pelos parabéns. o livro fantasma de josé castello não é de terror, não é paranormal. é um livro sobre escrever, literatura.

      Excluir
  5. Parabéns, mil vezes parabéns, Pedrita.
    Que pena não ter acompanhado vc nesses 12 anos.
    O que aprendi com vc tem valido a pena.
    Meu blog fez 8 anos dia 21 de novembro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. liliane, e só nos conhecemos agora nesses 8 anos. tb sinto pena não termos nos conhecido antes, mas vamos aproveitar agora.

      Excluir
  6. parabéns pelos 12 anos de blog... gosto bastante de ler aqui...sempre com coisas boas e interessantes...bjo http://anaherminiapaulino.blog.uol.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Estou lendo Moby Dick, clássico da literatura universal escrito por Herman Melville, em dois volumes publicados pela Abril, "Clássicos Coleções", cada volume ao preço de R$10,00. É incrível o que podemos achar em meio a essas ofertas.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. cadinho, eu gostei muito de moby dick embora não seja uma apaixonada por livros de aventuras.

      Excluir
  8. Legal Pedrita, uma historia que se passa em Curitiba, uma cidade cheia de misterios mesmo.
    E parabens pelos 12 anos de blog, Cheios de cultura e de boas novidades.
    Beijos e felicidades com o blog por muitos anos mais!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. camille, é bem interessante. e curitiba é um personagem.

      Excluir
  9. Não conhecia esse livro, mas que parece que é bem engraçado. E agora com esse boom de Paulo Leminski! Boa compra essa sua.
    E parabéns pelos 12 anos do blog! E nem sabia que agora é só a Mata Hari, você e que o blog teve outro colaborador, agora Fantasma! rsrs...
    Parabéns e que venham mais e mais anos de muita cultura e dicas para nós leitores.
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. adriana, eu não fazia ideia da existência desse livro, se não fosse a banca não o teria descoberto. é divertidíssimo. o estilo sarcástico do autor é delicioso. ah, é, o 007 apareceu esse ano uma vez. ele parece o wally, onde está o wally?

      Excluir

Bons comentários!