domingo, 1 de janeiro de 2017

Snoopy e Charlie Brown - Peanuts - O Filme


Assisti Snoopy e Charlie Brown - Peanuts - O Filme (2015) no TelecinePlay. A criação do desenho é de Charles M. Schuz (1922-2000). A direção é de Steve Martino. Eu sempre amei esse desenho e fiquei eufórica quando vi no Now esse filme. Adorei! É fofo, mas confesso que achei um pouco longo demais. E pena que no TelecinePlay é sempre dublado sem a possibilidade de mudar para legendado.
Não lembrava que nós não vemos os adultos nem entendemos o que eles falam. The Peanuts Movie, como é o nome oficial, é um compilado de boa parte das historinhas desse desenho.

Uma nova aluna chegou na escola. É a garotinha ruiva. Charlie Brown fica louco para conquistá-la. Esse é o tema central do filme. Para desenvolvê-lo, várias historinhas surgem.

Charlie Brown procura conselhos psicológicos com Lucy. Ela indica um livro de auto-ajuda com vários métodos para fazer sucesso e chamar a atenção da menina. Claro que tudo passa a ser um desastre.

Como sempre acontecia na animação, Snoopy é um sonhador. Ele sonha que é um aviador que tem que salvar uma linda cadelinha. Seu avião é sua casinha e ele conta com a ajuda de Woodstock.



Beijos,
Pedrita

12 comentários:

  1. Louca para assistir! Nos cinemas não quis ver porque só tinha dublado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. bruxa, no now só dublado mesmo. acho que vai ter q ver qd passar na programação pq nos telecine dá pra mudar pra legendado e som original.

      Excluir
  2. eu adoro a turma do Snoopy e seu criador....

    ResponderExcluir
  3. As vezes chamo a Infanta para assistir comigo, mas ela sempre já viu. Daí desisto.

    ResponderExcluir
  4. Respostas
    1. lulu, que bacana. eu queria ter visto, mas não consegui na época.

      Excluir
  5. Ainda não assisti amiga, apesar de amar a turma do Snoopy.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Olá Pedrita
    Amooooooooo <3 o Snoopy!!!!!!
    Eu fiquei louca com esse filme, foi a primeira vez que fizeram um longa do Snoopy e achei que o material original foi super respeitado, não descaracterizou só para agradar a mídia ou o público.
    Claro que não deu para desenvolver todos os personagens, mas cada um teve suas caraterísticas mantidas. Tipo o Schroeder que ama o piano, a Lucy psicóloga, o Snoopy sonhador.
    O traço do autor Schulz aliado à tecnologia de ponta de animação computadorizada arrasou.
    Super simpático, agradável e fofiiiiiiiiinho <3
    Amei as imagens que vc escolheu!!!!
    Bjs Luli
    Café com Leitura na Rede

    ResponderExcluir

Bons comentários!