quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Cravo e Cantigas

Fui ao recital Cravo e Cantigas em Homenagem ao Mês das Crianças do Centro de Música Brasileira no Centro Britânico Brasileiro. Antonio Carlos de Magalhães tocou cravo e preparou um repertório com obras brasileiras para crianças, algumas de grandes compositores eruditos, outras várias anônimas com arranjos para o cravo. Gostei muito.

Crédito da foto: William Dias

Programa:

Anônimo com arranjo de Antonio Carlos de Magalhães:
Ciranda Cirandinha
Nesta Rua
Tutú Marambá
Boi da cara preta
Carneirinho Carneirão
Terezinha de Jesus
Capelinha de Melão
A barata diz que tem
Escravo de Jó
Samba Lelê
Com arranjo de Hudson Lacerda dedicado à Antonio Carlos de Magalhães:
Carnerinho Carneirão
Fui no tororó
Passa passa gavião

Alberto Nepomuceno (1864,1920)
Barcarola

Savino De Benedictis (1883,1971)
Suíte Ciranda Cirandinha                                                                    
Ária (Na Bahia tem...)

Andersen Viana* (1962)
Para as crianças : Suite 1
*Estreia mundial: dedicado à Antonio Carlos de Magalhães

Heitor Villa-Lobos (1887,1959)
Cae cae balão (Cirandinha nº6)

Fernando Cupertino
Variações sobre um tema infantil
Atirei o pau no gato

Osvaldo Lacerda (1927,2011)
Valsinha Brasileira

Na noite também tocou o jovem pianista José Artur Cunha de Souza. Que concentração. Muito bom também. O pianista tem somente 18 anos e vejam que repertório difícil que foi muito bem executado.

Programa:

Francisco Mignone (1897-1986) – Prelúdio nº 3 (do caderno de Prelúdios)

Heitor Villa-Lobos (1887-1959)
A Lenda do Caboclo 
Alma brasileira
Miudinho  (Bachianas Brasileiras nº 4)


Osvaldo Lacerda (1927-2011)
Duas Sonatas - Homenagem Scarlatti 
Oito variações e fuga sobre um tema de Camargo Guarnieri


Camargo Guarnieri (1907-1993) 
Improviso II 
Canção Sertaneja 
Dança Brasileira
Beijos,
Pedrita

10 comentários:

  1. Adorei os vídeos, esse menino, o José Artur deu um show, que bom assistir coisas assim.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Olá Pedrita
    Uaaaaaaau que fofo, eu amoooo isso, adoro cantigas infantis, trazem memória afetiva!
    Quem nunca cantou algumas dessas e se encantou!
    Sabe que eu só aprendi a cantar Atirei o pau no gato com uns 8 anos? Eu falava "du berrô" como se fosse francês hihihi
    Hoje eu penso igual a Ágata, sonho com um mundo em que a Dona Chica não atira o pau no gato (acho fofa essa frase <3)
    Amei os vídeos!
    Obrigada por compartilhar esse presentão de mês das crianças
    Bjs Luli

    Café com Leitura na Rede

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. luli, é muito bacana ir reconhecendo as cantigas no cravo. ah, que bom que gostou dos vídeos. presentão realmente.

      Excluir
  3. Todas músicas infantis que cantei e que brinquei na minha infância em subúrbio e sem violência.
    A gente canta sem nem prestar atenção na letra.
    Nunca me preocupei em cantar e cantar depois com os filhos, alguma dessa cantigas.

    Acho que nunca ouvi Cravo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. liliane, vc ia gostar então de ouvir essas músicas no cravo.

      Excluir

Bons comentários!