domingo, 11 de novembro de 2007

Tolerância

Assisti Tolerância (2000) de Carlos Gerbase no Cinemax. Sempre quis ver esse filme porque li que o roteiro rodeava sobre o tema do relacionamento aberto. O casal interpretado pela Maitê Proença e Roberto Bomtempo vive uma relação aberta. Outro acordo é que eles contem tudo o que acontece com eles, interesses por outra pessoa, relacionamento com outro. Mas o filme utiliza esse argumento para fazer um filme de suspense, um mal filme de suspense.
Também a personagem da Maitê Proença é uma advogada sem escrúpulos. Ela tem um cliente que tem problemas de invasão de terras em guerra com o seu irmão. Fica tão deslocado e mal desenvolvida essa parte da história que chega a ser patética. Além desses protagonistas estão a ótima e bela Maria Ribeiro e Ana Maria Mainieri. Tentei colocar a música da banda do diretor do filme, mas era muito ruim. Não curto muito na área cultural profisisonais que fazem um pouco de tudo. Acredito que é melhor se concentrar em algumas áreas.

Beijos,
Pedrita

3 comentários:

  1. Ah, eu amei seu blog! Vim aqui atrás da Vila Sésamo, da qual sou fã, e me deparei com os seus belos posts.
    Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

    ResponderExcluir
  2. Eu também esperava mais, o relacionamento aberto é um tema que pode gerar histórias interessantes, mas realmente o filme se perde.

    Camila
    mesmachuva.blogger

    ResponderExcluir
  3. juju, para eu visitar o seu blog eu preciso do endereço.

    camila, realmente o filme se perde.

    ResponderExcluir

Bons comentários!