domingo, 8 de fevereiro de 2009

Feminices

Assisti Feminices (2005) de Domingos de Oliveira no Canal Brasil. Eu adoro esse diretor e não queria perder esse filme. É fantástico! O roteiro é baseado na peça teatral Confissões de Mulheres de 40 de Clarice Niskier, portanto já deduziram que o filme fala de mulheres de 40. Quatro atrizes se reúnem para discutir o roteiro dessa peça. Eu sempre me surpreendo como o Domingos de Oliveira conhece a alma feminina, a profundidade que nos vê, talvez até melhor que nós mesmas. Eu vi uma entrevista com o Domingos de Oliveira no Canal Brasil onde ele fala desse filme, que ele admira as mulheres de 40, porque elas parecem ter tempo pra tudo. Além do profissional que está intenso, filhos, muitas vezes precisam cuidar dos pais, acumulando mais funções.

Feminices traz 4 mulheres com características diferentes. Uma casada há mais de 10 anos e sem paixão, outra com paixão, mas com um marido muito ciumento, uma grávida e outro submissa a um marido. Nesse encontro adorei o diretor colocar elas plugadas na tomada como somos nós mesmas. Todas falando ao celular ao mesmo tempo, falando entre si e ainda vendo o que acontece do outro lado da rua. Apesar da reunião não ter nada de concreto, porque elas mais conversam do que falam do texto, elas montam o texto perfeitamente sem perceber, como nós mulheres somos realmente. Tudo ao mesmo tempo. Gostei também que o diretor pegou depoimentos que são gravados individualmente com homens falando o que acham das mulheres e das mulheres de 40. Assim o filme fica ágil, inteligente e completo!
As 4 são lindas e talentosas: Priscilla Rozenbaum, Dedina Bernadelli, Clarice Niskier e Cacá Mourthé. Domingos de Oliveira também contracena. Não localizei os nomes dos homens que dão os depoimentos. Gostei também que Feminices fala bastante de produção de teatro, TV e cinema. Da dificuldade de patrocínio, de cachês, exploração do mercado, desrespeito ao talento, muito inteligente!

Música do post: VIAJANTE_-_NEY_MATOGROSSO


Beijos,

Pedrita

9 comentários:

  1. Sim, eu sei que o Tom Cruise esteve (está ainda?) no Brasil a promover o filme "Valquíria". E por causa das suas embaraçosas gaffes, eu escrevi isto: http://ohomemquesabiademasiado.blogspot.com/2009/02/tom-cruise-e-o-brasil.html

    ResponderExcluir
  2. Olá Pedrita

    A idade áurea, 40, um filme que não sei se chegará a Portugal. Espero.

    Beijinhos
    Isabel

    ResponderExcluir
  3. Oi! Sentiu minha falta?
    Fui no cinema esses dias assistir se eu fosse você 2. Muito divertido...
    Postei duas fotos no meu blog que você vai achar interessantes. Beijo grande, cheio de saudade!

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem? Nunca tinha ouvido (ou lido) alguma coisa sobre esse filme.... Bjs, Fabio www.fabiotv.zip.net

    ResponderExcluir
  5. Mais um que não veremos em Portugal.
    Apenas telenovelas, e muito pouco mais, enchem as nossas televisões.

    ResponderExcluir
  6. oi pedrita, também gosto bastante de Domingos de Oliveira;
    não cheguei a ver este filme, mas me pareceu bem interessante;
    pois normalmente se não me engano, normalmente abordam mais
    "o universo das mulheres de Balzac." bjs

    Marcos

    ResponderExcluir
  7. camila, é muito bacana mesmo

    isabel e quintela, esse filme é bem independente, acho que é verdade que dificilmente chegará aí, uma pena.

    aqueta, como senti sua falta. achei que tinha desistido do blog. as fotos são ótimas.

    fabio, eu acompanho bastante o cinema do domingos de oliveira, ele é brilhante.

    marcos, o domingos de oliveira tem feito filmes sobre várias fases das mulheres. acho q ele tem um com balzaquianas. atualmente está em cartaz um sobre a juventude. e esse é sobre a mulher de 40.

    ResponderExcluir
  8. Vi o Making off deste filme, mas não me interessei.
    (aliás, me pergunto por que sempre 4 mulheres? É assim em Sex and the city, Desperate Housewives e A Partilha. É um número cabalístico?)
    Denise

    ResponderExcluir

Bons comentários!