domingo, 4 de dezembro de 2011

Andando

Assisti Andando (2008) de Hirokazu Koeeda no Max. Fazia tempo que via esse filme na programação, mas não me animava a assistir. É um filme delicado sobre dois filhos e suas famílias que vão visitar os pais. A relação dos filhos com o pai é bem complicada. Andando passa então nesse fim de semana que eles convivem juntos, uma difícil convivência. Os costumes, a comida, as conversas, as lembranças. Esses pais vivem em um bairro idílico, é muito perto de toda a movimentação, da estrada, da praia, mas é bucólico e pacato. Um lindo lugar. É um belo filme!

No elenco estão: Hiroshi Abe, Yui Natsukawa, Kazuya Takahashi, Kirin Kiki e Yoshio Harada. O diretor de Andando, Hirokazu Koeeda, ganhou vários prêmios de Melhor Diretor como no Asian Film Festival

Beijos,
Pedrita


8 comentários:

  1. AH Pedrita, deve ser um lindo filme!!! Hoje assisti os Muppets, ninguem perece, nao acabava nunca... Claro que eu fui com minha filhinha. E ela preferiu esse. Tudo bem, mae é mae. Mas tem uns filmes para criança que sao bons,e outros que nao precisavam nem existir.
    Esse Andando esta passando em circuito normal?
    Beijos e boa semana,
    Cam

    ResponderExcluir
  2. Pedrita,desta vez não me animei.Passo.Bom finzinho de domingo, beijo

    ResponderExcluir
  3. Mais um oriental que leio a resenha. Assisti um mexicano antigo (década de 70) e te indico "el castillo de la pureza" e outro mais moderno: entre Pancho Villa y una mujer desnuda.

    ResponderExcluir
  4. Mais uma boa indicação sua, Pedrita. Fiquei com desejo de assistir. Grande abraço e ótima semana.

    ResponderExcluir
  5. camille, eu devo ver muppets, mas qd chegar a tv a cabo. eu q adoro filmes pra crianças tb iria ver se tivesse um filho e aí já viu né? nem tudo vale a pena. estranho q o brasil produza poucos filmes pra crianças. por esse motivo tenho gostado tanto dos curtas, há muito curta pra criança aproveitar. vários passam no canal brasil. andando está em cartaz nos canais hbo.

    ruby, filmes mexicanos da década de 70 nunca sei se vi. a record passava as quintas muitos filmes mexicanos q vi com meu pai, mas nunca sei quais q vi. só qd começa é q descubro se já vi ou não.

    cacá, acho q vai gostar. mas não sei se é um bom momento pra vc ver.

    ResponderExcluir
  6. Uai, tava escrito Tetro, olhei o tetro e sumiu! Nao aguentei o Tetro, desisiti de assistir.
    Beijao

    ResponderExcluir
  7. Pedrita, Entre Pancho Villa y uma mujer desnuda é da década de 90.

    ResponderExcluir

Bons comentários!