segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Rio Eu Te Amo

Assisti no cinema Rio Eu Te Amo (2014). É um filme com várias histórias com vários diretores, o que fez a unidade final e as ligações é Vicente Amorim. Eu e minha mãe gostamos muito, várias histórias são muito bonitas. Não me identifico muito com projetos de vários grupos, linguagens, mas no geral é muito bom. Esse filme é um projeto, já teve de Paris, Nova York, o próximo será Xangai.

A primeira história é dirigida por Andrucha Wadinggton e estrelado pela maravilhosa Fernanda Montenegro. É maravilhoso, emocionante. Ela interpreta uma mulher que vive na rua e é encontrada pelo seu neto interpretado por Eduardo Sterblich. Participam do episódio Stephan Nercessian, Regina Casé, Sandro Rocha e Hugo Carvana.


Lindo também o episódio dirigido por Carlos Saldanha, interpretado por Rodrigo Santoro e Bruna Lizmeyer. Eles são bailarinos. Bela a solução para mostrar eles dançando no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Vincent Cassel protagoniza o episódio dirigido por Fernando Meirelles.

Gostei muito do episódio Texas dirigido por Guillermo Arriaga. Um casal sofre um acidente, ele é lutador, ela foi modelo. Adoro os dois atores, Land Vieira e Laura Neiva.

Adoro o elenco de Quando Não Há Mais Amor Vanessa Paradis e John Turturro que inclusive dirige o episódio. Delicado e lindo!

Uma graça o episódio Milagre dirigido por Nadine Labaki com o incrível Harvey Keitel. Incrível o menino interpretado por Cauã Antunes. O elenco é enorme já que são dez episódios: Cláudia Abreu, Michel Melamed, Roberta Rodrigues, Tonico Pereira, Wagner Moura, Emily Mortimer, Marcelo Serrado, Cléo Pires, Caio Junqueira, Débora Nascimento,  Ryan Kwanten, Basil Hoffman, Priscila Assum, Bebel Gilberto e Marcio Garcia.

Beijos,
Pedrita

12 comentários:

  1. Pelo vídeo me pareceu uma salada, até indigesta.
    Pelo vídeo, entendi os enredos, lógico.
    Mas não gosto da falsa atenção à personagem da Fernanda Montenegro.
    Não gosto que tudo acabe ou comece com samba em favela.
    Não gosto da falsa ideia de que é bom viver no Brazil, um país com nível de violência, lá nas alturas.
    Talvez seja desculpas por não gostar da maioria dos filmes brasileiros. Talvez. Deve ser.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. liliane, são várias histórias, umas lindas, outras nem tanto. uma inclusive faz exatamente as críticas que escreveu.

      Excluir
  2. Seu blog já passou quantos anos, dos 12 anos, Pedrita?

    ResponderExcluir
  3. Ola Pedrita,vi o filme e realmente pareceu -me uma salada de frutas com algumas apetitosas e algumas um tanto azedinhas.Gostei menos do que mais.Grande abraço e ótima semana.SU

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. suzane, eu não gosto do gênero, vários diretores em um mesmo filme, então esperava bem menos. me surpreendeu positivamente.

      Excluir
  4. Oi Pedrita, tudo bem?

    Quem sabe vai passar por aqui, rs.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. georgia, pode ser que passe pq está integrado a um projeto internacional.

      Excluir
  5. Olá, Pedrita!
    Jura que vc gostou? Vi tanta gente reclamando no twitter dizendo que era porcaria, mas isso é bem subjetivo.
    Big beijos

    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. lulu, tem histórias ótimas. como toda junção de diretores, textos, nem tudo gostei.

      Excluir
  6. Vou ver porque adoro varias pessoas desses filmes. Amo o Turturro!

    ResponderExcluir

Bons comentários!