terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Em Segredo

Assisti ao filme croata Em Segredo (2006) de Jasmila Zbanic no Telecine Cult, em co-produção com a Bósnia-Herzegóvina, Áustria e Alemanha. Eu já tinha visto que esse filme estava na programação do Telecine e queria ver. Vocês sabem o quanto gosto de ver filmes de culturas diferentes. Em Segredo é a história de uma mãe que tem uma filha adolescente e precisa conseguir o dinheiro para um passeio do colégio da filha. Com esse tema, Em Segredo mostra a vida na Croácia, o desemprego, um grupo de apoio onde mulheres se reúnem para contar suas histórias. As duas atrizes principais são excelentes: Mirjana Karanovic e Luna Mijovic. O roteiro é também da diretora.

Essa mãe precisa trabalhar em um bar noturno e é surpreendente os esteriótipos que as pessoas acham uma das outras sem conhecer suas vidas.
Em Segredo ganhou vários prêmios como de Melhor Diretor no Festival de Berlim.

Música do post: 16 HRVATSKA RAPSODIJA 5.




Beijos,

Pedrita

12 comentários:

  1. Oi! Ainda vivo, ou, talvez, só sobrevivendo...
    Eu assisti a Orquestra Sinfônica da Bahia. Quando puder, vou postar as fotos.
    Beijo grande!!!

    ResponderExcluir
  2. Olá Pedrita
    vim buscar mais umas dicas culturais, deixar um beijinho e claro, fazer o convite: venha conhecer Belém! Não tem como não gostar!

    beijinhos @}---

    ResponderExcluir
  3. Vi o trailer deste filme várias vezes durante o Festival de Berlim.
    Foi um filme muito falado e estimado pela crítica e pelo público, mas ainda nao o vi.

    Pedrita, primeiro indiquei-a a si, à Isabel (sletras) e à Licas para o desafio dos 7 Pecados Mortais, mas depois tirei as 3, porque pensei que nao aceitassem.
    Eu adoro desafios, mas nem toda a gente gosta... e cada um é como é.

    Boa noite!

    ResponderExcluir
  4. Já vi esse filme, gostei!
    Acabei de ver outra co-produção com a Bósnia há uns minutos no Telecine, A Armadilha.

    ResponderExcluir
  5. oi pedrita, ainda não vi o filme, mas pelo que li do post a questão do esteriótipo que parece presente, é definitivamente muito triste, principalmente por estarmos em pleno século XXI. bjs

    ResponderExcluir
  6. Olá Pedrita!
    Durante largos anos o cinema oriundo da Jugoslávia teve uma certa vsibilidade no nosso país, depois com a guerra e a implusão da confederação criada pelo Tito e o nascimento das novas nações, apenas Kusturica continua a ser distibuído com regularidade. De qualquer frma registámos o filme. Obrigado.
    Beijinhos
    Paula e Rui Lima

    ResponderExcluir
  7. Há muita qualidade no cinema feito a Leste da Europa, e exemplos não faltam.
    Mas a dificuldade de entrar nos circuitos comerciais, dominados pela máquina americana, induz muito deste cinematografia ao desconhecimento público.
    É pena. Porque muito talento fica por descobrir.

    ResponderExcluir
  8. Quando cheguei em casa, este filme já estava no final. Fica para próxima oportunidade.
    Denise

    ResponderExcluir
  9. Pedz, olha o seu email profissional de trabalho da empresa. tem uma surpresinha que vai te deixar contente, aposto! beijos, fribi

    ResponderExcluir
  10. aqueta querido, sentimos sua falta.

    adriana, um dia vou a belém.

    ematejoca, realmente ganhou vários prêmios.

    ana maria, vou procurar esse outro filmes que mencionou.

    marcos e dê, vcs vão gostar.

    paula, rui e quintela, se não fosse a tv a cabo acho que dificilmente veria esse filme.

    fribi, fiquei emocionada!

    ResponderExcluir
  11. Fiquei surpreso de ver esse filme no blog. Estive com ele em mãos hoje mesmo e me interessei.
    Já viu um filme chamado Arca Russa? É um plano-sequência de noventa minutos pelo Hermitage entre diálogos e danças. Assisti ontem e gostei muito.

    ResponderExcluir
  12. Pedrita tenho várias amigas vindas da Croácia, Sérbia, Macedônia. Gente boa, de bom coracao, quentes em seus sentimentos como nós brasileiros. Gosto demais desse povo, viu. Imagino que o filme tenha sido ótimo.

    Um beijo

    ResponderExcluir

Bons comentários!