sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

O Retrato de Dorian Gray

Assisti O Retrato de Dorian Gray (2009) de Oliver Parker no HBO Plus. Eu tinha um pé atrás para ver esse filme, mas na tv a cabo até uma certa curiosidade já que o Colin Firth tem um importante papel no filme e a Bruxa do 203 do blog Um Caminho Diferente comentou que gostou, o post dela está aqui.. Eu tinha amado o livro e o filme de 1945, que são obras de arte. Esse filme atual é um bom entretenimento. Como esperava exageraram demais.

O livro aborda o narcisismo com maestria. Adoro a ideia do personagem vender a alma ao diabo e o quadro envelhecer e ele não. Mas nesse filme o quadro apodrece, bichos comem, dentes quebram, ele vira um monstro e não um homem mais velho, fica tosco. Mas o filme é bonito, bem realizado, então funciona, pena que na hora da exibição do quadro perca completamente o impacto.

No começo o Ben Barnes como o Dorian Gray me causou estranhamento, depois me acostumei. Sinta falta da força no olhar do personagem. Belíssima a atriz que ele se apaixona interpretada por Rachel Hurd-Wood. O pintor é interpretado por Ben Chaplin. O segundo amor de Dorian Gray por Rebecca Hall. Alguns outros do elenco são: Fiona Shaw, Caroline Goodall e Michael Culkin.
Beijos,
Pedrita

21 comentários:

  1. Também quis ver só por causa do Colin Firth e gostei, até me surpreendi.

    Pedrita, o blog está lindo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. bruxa, é bem bacana. mas o antigo é muito melhor. obrigada, eu quis um blog mais colorido e alegre.

      Excluir
  2. O Retrato de Dorian Gray é um dos meus romances preferidos.

    Só vi o filme de 1945, do qual gostei muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ematejoca, esse filme de 1945 é excelente, esse recente é um bom divertimento, um pouco over demais.

      Excluir
  3. Putz preciso ver o filme, e eu li o livro e amei.Anotei suas dicas de muso, alguns eu já tinha colocado, os próximos avisarei ta?
    Big Beijos

    blog Lulu on the sky - sorteio - Participe da pesquisa de público

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. lulu, tente ver o de 1945, é maravilhoso.

      Excluir
  4. Li o livro na juventude.
    Seria interessante eu assistir esse filme. Relembrar , comparar.
    Uma boa dica! bj Zizi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. zizi, tente ver o de 1945, é maravilhoso. esse é só bom, mas um pouco over.

      Excluir
  5. Oi, Pedrita,

    Por sorte assisti a este filme também! rsrs. Digo por sorte porque foi por acaso que cheguei ao canal um pouquinho antes do início da fita. Sempre fui fascinada por Oscar Wilde, cuja obra eu tenho lido e relido, rsrs. Também não estava botando muita fé neste filme, mas acabei gostando.

    Beijo e bom fim de semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. marly, é bom né? o de 1945 é maravilhoso, mas esse entretém.

      Excluir
  6. Pedrita,
    Ainda não consegui ver esse filme todo...rsrs... Assisto, durmo, pego no meio, desisto! E é que amo essa história, já li o livro. E o Colin Firth também amo!!! Vou ver se vejo todo...rsrs...
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. adriana, é meio over esse, entretém. tente ver o de 1945.

      Excluir
  7. O livro li e é um dos meus livros favoritos de todos os tempos, a ideia do quadro no livro é genial, não vi o filme, mas compreendo que seja chocante essa variante ao envelhecimento da pintura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. carlos, eu tb amo o livro e o filme de 1945. esse é meio exagerado. perde um pouco a graça.

      Excluir
  8. Oi Pedrita,
    Acho que desse filme eu tenho medo!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nina, esse é bem exagerado, mas o de 1945 vc vai conseguir ver e é excelente.

      Excluir
  9. Eu adoro o livro "O retrato de Dorian Gray", acho que é uma obra-prima da literatura ocidental e tinha um pé atrás com o filme. Digo tinha, porque depois de ler lá no blog da Bruxa que o filme não é ruim e depois de ver vc aprovando acho que corro o risco de baixar ele para ver porque duas opiniões positivas já me deixam curiosa.

    Bjs, Pandora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu vou procurar o filme. Não li o livro, mas é uma história que me interessa desde que vi a liga extraordinária. Sobre seu comentário lá no meu post, também já me perguntaram se eu era rica por causa do meu cabelo e do olho claro. vai entender né?

      Excluir
    2. pandora, esse filme é um pouco exagerado, tente ver o de 1945 q é excelente.

      Excluir
  10. Comecei a ler esse 33 anos atrás, quando eu estava grávida da minha filha Moema. Confesso que senti medo e parei de ler e nunca terminei, mesmo com a intensão de faze-lo depois do nascimento da Moema.!

    ResponderExcluir

Bons comentários!