terça-feira, 13 de maio de 2014

Guerra Mundial Z

Assisti Guerra Mundial Z (2013) de Marc Forster no Telecine Premium. Estava na dúvida se veria esse filme. Guerra Mundial Z é baseado no livro de Max Brooks. O diretor é alemão. Achava estranho que o Brad Pitt teria participado dessa produção. O começo reforçou minhas dúvidas. Um misto de Madrugada dos Mortos e Guerra dos Mundos. Em Madrugada dos Mortos as pessoas viram zumbis quando outras as mordem. Em Guerra Mundial Z também. E no início há uma família para humanizar o filme. Brad Pitt é casado, tem duas filhas lindas. A diferença em Guerra dos Mundos é que o personagem do Tom Cruise é separado, mas também uma das meninas tem problema de saúde e passa mal no corre corre.

Para a família ficar protegida em uma base militar no mar, o personagem de Brad Pitt precisa aceitar ir com um virologista buscar informações para fazer um antídoto, ele é um profissional da ONU. Feita a humanização e o desejo de salvar a família, o personagem segue para a Coréia do Sul. Guerra Mundial Z funciona, diferente de Madrugada dos Mortos tem um bom enredo. Depois da Coréia do Sul que parece que foi feita somente em estúdio, ele segue para Israel. Lá parece que foram em algumas locações junto com cenários. Algumas locações foram no Reino Unido. A família dele aparece pouco, o filme é praticamente o Brad Pitt e quem ele vai encontrando. A esposa é interpretada pela Mireille Enos. As crianças por Abigail Hargrove e Sterling Jennis. Uma outra criança se une ao grupo interpretado pelo Fabrizio Zacharee Guido

Aparece mais uma moça militar que ele conhece em Israel, interpretada pela israelense Daniella Kertesz. Pelas andanças do personagem do Brad Pitt, muitos atores aparecem como o sul-africano Fana Mokoena, a irlandesa Ruth Negga, o alemão Moritz Bleibtreu, o italiano Pierfrancesco Favino, os ingleses Peter Capaldi e John Gordon Sinclair e o americano David Andrews. Guerra Mundial Z funciona, essa busca pela solução, esse enredo, fica interessante e fica um bom filme de ficção científica e ação.
Beijos,
Pedrita

12 comentários:

  1. Bom filme. Não consegui assistir no cinema no ano passado e agora aproveitei e vi na estreia no Telecine Premium.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. cristiano, nem prestei atenção qd esteve no cinema e na tv só depois de uns 3 trailers q até pensei q poderia ver.

      Excluir
  2. com excessao de Brad Pitt, o filme, certamente, nàao me atrairia.
    Assisti Guerra dos Mundos com o Tom Cruise e ja nao gostei.

    Tenho os 3 livros do Laurentino Gomes.
    Maravilhoso. Faltando ler o ultimo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. liliane, eu adoro o brad pitt. eu gostei de 1808. mas sou aficcionada pelos livros da lilia schwartz.

      Excluir
  3. Olá,
    adorei a dica, vou seguir seu conselho.
    Tenha uma ótima semana.
    Anajá

    ResponderExcluir
  4. O filme teve várias críticas ruins, mas eu gostei. A história é interessante e o ritmo frenético com ótimas cenas de ação.

    Ótima diversão.

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hugo, eu vi algumas críticas favoráveis. eu tb gostei, muito mais do q esperava. na verdade achava q ia odiar.

      Excluir
  5. Já ouvi falar, mas ando evitando filmes como esses.
    Convido você para participar da nossa pesquisa no blog
    Big Beijos
    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
  6. n sou mt fã desses filmes...bjo http://anaherminiapaulino.blog.uol.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Foi exibido por aqui. O cartaz me fez lembrar de Guerra dos Mundos. Às vezes eu penso que bons atores fazem super-produções para poder manter o nome em evidência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. enaldo, o brad pitt não precisa disso.

      Excluir

Bons comentários!