segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Questão de Família - 1ª Temporada

Assisti Questão de Família - 1ª Temporada de Sérgio Rezende na GNT. Localizei essa série no Now, em séries. Tinha uma certa curiosidade porque as propagandas na época em que foi exibida eram interessantes. Gostei bastante. A cada episódio um processo judicial acontece. Eduardo Moscovis interpreta um juiz da vara da família. Sem ser didático, acabamos aprendendo um pouco as instâncias. No departamento dele, as pessoas lutam por reconhecimento de paternidade, tentam conseguir a guarda de filhos, resolver inadimplência de pensões. O juiz deixa claro em alguns momentos que essa vara não resolve questões financeiras de herança. Caso algum filho consiga o reconhecimento de paternidade e quiser a herança, terá que iniciar outro processo que será julgado em outro departamento.

Esses casos solucionados a cada capítulo tem um olhar bem otimista. Uma avó não aceitava o pedido de guarda da criança pela esposa não-oficial de sua filha que morreu. Era bem intolerante, dificulta o trabalho da justiça, mas ao perder a guardar e sair do fórum, abraça a esposa da filha, fica amiga. Achei bem artificial. Essa avó é interpretada pela Suely Franco. Bonito a forma como o tema foi tratado, mas um pouco forçado o desfecho amigável. São bem diversificados os temas, mostrando as novas formações familiares.

Ao contrário dos casos resolvidos a cada capítulo, a história do juiz é bem mais sombria. De uma família desajustada, o juiz tem seu pai em coma no hospital assassinado. Começa então a investigação. Esse caso passa a primeira temporada inteira. O juiz é separado, lindas as meninas que fazem as suas filhas. Está com um romance superficial com duas mulheres, mas realmente gosta da juíza que teve algum desentendimento. Seu irmão está em tratamento em uma clínica de drogas totalmente ineficiente. Em flashback vemos os dois irmãos na infância assistindo os conflitos dos pais. A mãe linda, volte e meia tem casos extraconjugais, o pai fica então violento. O juiz tem uma verdadeira adoração pelo pai e via a mãe com outros homens. O irmão mais novo tem verdadeira adoração pela mãe e não suportava o pai violento.

O elenco é muito bom. A ex-mulher é interpretada pela Georgiana Góes. A juíza pela Malu Galli. A advogada por Luiza Mariana. A vizinha por Bellatrix. O pai por Eduardo Galvão. A mãe por Juliana Martins. O irmão por Iano Salomão. O promotor por Pablo Sanábio. O detetive por Pedro Brício. As duas meninas são Giovannas, uma Estefanio e outra Maluf. Roberto Brindelli faz o advogado da família do juiz.

A cada episódio atores participam para as cenas de julgamentos da vara da família. Infelizmente Questão de Família comete os mesmos erros ainda da TV Globo. Negros fazem sempre pobres, filhos de empregada, jogadores de futebol, moradores de comunidade. Até há advogados negros, mas eles só defendem os negros. Há uma negra que senta com o juiz, mas não há o nome nem foto da atriz no site da série nem em outro lugar. Negros em papéis de negros. Sérgio Malheiros está em um desses personagens e faz o filho da empregada. Na TV Record ele teve papéis fora desse esteriótipo. Vanessa Lóes atua grávida e interpreta uma advogada participando de dois episódios. Alguns atores convidados foram Rita Guedes, Letícia Colin, Dedina Bernadelli, Peter Brandão, Rodrigo dos Santos, Paulo Reis, Márcia Cabrita, Ernani Moraes e Bernardo Marinho.



Beijos,
Pedrita

8 comentários:

  1. Já ouvi falar dessa série mas nunca assisti
    Big Beijos
    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
  2. Eu não assisti essa série, mas fiquei curiosa agora que li sobre, só tinha visto algumas propagandas por alto.
    Boa terça-feira!
    Fica com Deus!
    Beijo!

    http://nannafonseca.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem? Semana passada, meu blog enfrentou problemas técnicos, mas já voltei! Estive na coletiva de imprensa da série e assisti aos dois primeiros capítulos. Gostei do trabalho da Leticia Colin. Bjs, Fabio www.fabiotv.zip.net

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fabio, gosto da leticia colin. mas ela participou só de um episódio. é boa a série.

      Excluir
  4. Vou assistir. Sou louca por séries.
    Mas. tenho um pé atrás com produção nacional.
    Fazer o que, não é? Mentir é que não posso.
    Gostei muito desse vídeo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. liliane, magnífica 70 e o hipnotizador são obras de arte. essa é uma boa série.

      Excluir

Bons comentários!