domingo, 25 de outubro de 2015

Dona Flor e Seus Dois Maridos

Assisti Dona Flor e Seus Dois Maridos (1976) de Bruno Barreto no Canal Brasil. Sempre quis ver esse filme, deve ser da categoria todo mundo viu menos eu. Finalmente conseguir gravar. Em geral sempre que passava era em horário que eu não conseguia ver. É baseada na obra de Jorge Amado que não li e um dos melhores personagens para o José Wilker. Fiquei emocionada em ler que esse logo é do saudoso Cyro Del Nero.

Ele é o típico bon vivant. Se casa com a bela Flor, Florípedes, viciado em jogo, namorador, deixava ela sempre sozinha em casa. Mas quando estava com ela era intenso. Ela, cozinheira de mão cheia, ganhava o seu sustento ensinando culinária. No carnaval ele morre. Ela acaba se casando com um próspero farmacêutico e passa a ter uma vida pacata e feliz. Mas a felicidade se completa quando o fogoso Wadinho volta. Ela reluta, mas acaba cedendo.

Imagino como devem ter sido divertidas as cenas com o José Wilker nu. Mauro Mendonça interpreta o metódico farmacêutico e eles contracenam juntos. Mauro Mendonça tem que fingir que não vê o José Wilker nu em sua casa, em cima do armário. Em entrevistas contaram a tranquilidade como José Wilker gravou a clássica cena final no Pelourinho em que ele nu está de braço dado com sua mulher e o farmacêutico. Sônia Braga mais linda que nunca. Há muitos bons atores no elenco: Rui Resende, Nelson Xavier, Nilda Spencer, Nelson Dantas, Lourdes Coimbra, Francisco Dantas, Arthur Costa Filho, Claudio Mamberti, Lícia Magna, Mara Rúbia e Betty Faria. A música é O que será que será de Chico Buarque e Francis Hime. Por anos Dona Flor e Seus Dois Maridos foi o record de bilheteria no Brasil. Só foi desbancado por Tropa de Elite 2.

Beijos,
Pedrita

10 comentários:

  1. Vi esse filme, logo que saiu em fita cassete. Nem era DVD.
    Minha impressão é que Vadinho é só uma "ilusão" de dona Flor.
    Que o personagem de Mauro Mendonça, não vê nem sabe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. liliane, pode mesmo ser só uma ilusão.

      Excluir
  2. Não me lembro de ver o filme, mas lembro-me de estar em cartaz, mas na altura era eu um adolescente.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Pedrita!
    Eu vi esse filme faz muito tempo. Lembro da atuação do Zé Wilker impagável como Vadinho.
    Big Beijos
    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
  4. Olá Pedrita!
    Eu assisti esse filme pela primeira vez escondido da minha mãe eu tinha
    12 anos, achei um horror, não entendia nada, rsrs.
    Depois que eu cresci assisti muitas vezes inclusive a minissérie que
    passou na Globo com outros atores. O primeiro foi mais marcante.

    Bjs, ótima semana! ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. andréa, é bem contrário ao romantismo clássico. deve ser difícil de absorver nessa idade. eu não vi a minissérie.

      Excluir
  5. Oi, Pedrita,

    Este post me deu uma certa nostalgia, pois vi este filme muitos anos atrás, bons tempos, rsrs.

    ResponderExcluir

Bons comentários!