terça-feira, 21 de julho de 2015

Agora

Assisti em DVD Agora (2009) de Alejando Amenabar. É o fim do Império Romano, tempos de obscurantismo e ignorância pregados pelos cristãos fanáticos. Uma astrônoma ateia é perseguida, judeus são perseguidos, a maior biblioteca é destruída. Agora é um filme difícil de ver, difícil de ouvir os discursos alienantes dos cristãos, ver a violência do cristão em nome de Deus. Os cristãos trazem todo o atraso. Leem as escrituras como se fossem verdade para subjugar as mulheres. Enquanto a astrônoma, a Hypatia, se veste como uma romana, as mulheres começam a se cobrir, a se despojarem de vaidade, a se silenciarem. Triste período da história.

Essa astrônoma ensinava e passa a ser proibida de ensinar. Ela ganha a proteção do prefeito que foi um aluno, mas que também se converte ao cristianismo. No final de sua vida os cristãos a apedrejam e a arrastam por toda a cidade. Monstruoso e em nome de Deus. Os discursos dos cristãos que Deus está ao lado deles, que Deus que quis que eles matassem os judeus, são abomináveis e infelizmente muito atuais.

Rachel Weisz está maravilhosa como essa astrônoma. Adoro essa atriz e volte e meia ela faz personagens importantes. Seu pai é interpretado por Michael Lonsdale. O escravo por Max Minguella. O prefeito por Oscar Isaac da Guatemala. Um dos fanáticos cristãos pelo israelense Ashraf Barhom. Alguns outros são Rupert Evans (inglês), Samir Samir (israelense), Richard Durden (inglês) e George Harris. O diretor é chileno. No Brasil está como Alexandria

O filme Agora foi muito acusado de demonizar os cristãos. Será mesmo? Eu li que realmente os cristãos apedrejaram a astrônoma que era ateia e a arrastaram pela cidade. Que os cristãos realmente apedrejaram e expulsaram os judeus de Roma. Perseguiram, mataram, subjugaram as mulheres a submissão masculina. Se realmente fizeram isso, o filme é muito realista e histórico. Agora ganhou muitos prêmios. Vários Goya de Melhor Filme, Melhor Fotografia, Melhor Maquiagem, Melhor Figurino



Beijos,
Pedrita

11 comentários:

  1. Gosto da atriz.
    Certamente, não gostaria da história.

    Assisti pela nem sei quantas vezes Assassinato em Gosford Park e não entendo quem é o assassino.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. liliane, o filme é muito pesado. eu amo godsford park.

      Excluir
  2. Eu também adoro essa atriz!
    A Hypatia de Alexandria foi uma filosofa, matemática, astrônoma que foi iniciada no Conhecimento pelo próprio pai. Ela foi morta por fanáticos cristãos encabeçados por um filho da puta que depois que morreu foi canonizado pela igreja católica, um demônio dos mais terríveis....eu quero ver esse filme. o atraso no mundo veio junto com esses loucos....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fatima, vc vai gostar muito desse filme.

      Excluir
  3. Não consegui ler sobre o livro que leu!

    ResponderExcluir
  4. Radicalismos e fundamentalismos são sempre terríveis. Eu sou cristã e estranho muito quando relatam casos de intolerâncias ou violências cometidos por cristãos porque, como disse Jesus Cristo: "Um só mandamento engloba todos os outros:ama a teu próximo como a ti mesmo".

    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. marly, eu acho muito estranho alguém se dizer religioso e fazer mal ao outro.

      Excluir
  5. Gostei da sua indicação. Adoro filmes assim, que retratam um história obscura do mundo. E que horror!!! Vou procurar para assistir.
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. adriana, acho q vai gostar, mas é pesado.

      Excluir
  6. Eu já assisti esse filme e gostei muito!

    Beijos, Pri
    http://vintagepri.blogspot.com

    ResponderExcluir

Bons comentários!