domingo, 10 de julho de 2016

O Duplo

Assisti O Duplo (2013) de Richard Ayoade no Max. Volte e meia aparecem chamadas no facebook de matérias com filmes relacionados. O Duplo estava lá. Eu uma matéria sobre filmes estranhos. Na relação estava o incrível O Homem Duplicado que comentei aqui. Então resolvi ver esse. Agora entendi, é baseado no livro do Fiódor Dostoiévski de mesmo nome que não li. É incrível! Adorei! Surreal, maluco e inteligente.

Jesse Eisenberg está incrível como O Duplo. Inicialmente ele é um rapaz invisível. Daqueles que ninguém lembra. Trabalha há 7 anos em uma repartição, perdeu o crachá, mas diariamente tem que explicar ao mesmo guarda que trabalha ali há 7 anos e preencher uma ficha. O guarda é interpretado por Kobna Holdbrook-Smith. Até que surge um igual a ele, mas de temperamento oposto. O tímido é honesto, carinhoso, dedicado, exímio funcionário. O igual a ele é mau caráter, não trabalha, desonesto, mulherengo, mas todo mundo ama e ninguém esquece. Muito rapidamente é amado no trabalho, está sempre rodeado de todo mundo.

O tímido é apaixonado e encantado por uma linda jovem que trabalha no departamento do xérox. Ela mora no apartamento em frente ao dele e ele a espia. Obviamente O Duplo a seduz muito rapidamente e o tímido fica sofrendo. Adoro essa atriz interpretada pela australiana Mia Wasikowska. Alguns outros do elenco são: James Fox, Yasmin Paige, Wallace Shawn, Cathy Moriarty, Phyllis Somerville e Noah Taylor. A trilha sonora é incrível e aparece de forma imprevisível. 

Beijos,
Pedrita

20 comentários:

  1. Acho que a Mia Wasikowska deveria ter mais filmes notórios, ela é ótima, mas seus filmes poco são aclamados pela crítica, fora os malucos do Tim Burton.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ruby, eu gosto da escolha seletiva dessa atriz.

      Excluir
  2. Parece bom esse filme. Só vi Alice com a Mia Wasikowska
    big beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. lulu, eu adoro esse gênero misterioso desse filme.

      Excluir
  3. É um filme diferente, mas infelizmente não gostei.

    Apesar da premissa ser interessante, a narrativa é arrastada.

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hugo, achei incrível, mas realmente não parece um filme no seu perfil.

      Excluir
  4. Particularmente gosto de ver alguns filmes diferentes, mas eu não gostei desse filme (o achei excessivamente artístico e pouco envolvente). De atmosfera bem criada, mas como o Hugo citou, de narrativa muito arrastada. Não segurou o meu interesse por muito tempo.

    bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. marcelo, é incrível, mas realmente não parece fazer o seu gênero.

      Excluir
  5. Respostas
    1. liliane, é bem confuso mesmo. propositalmente.

      Excluir
  6. Está na minha lista. Adoro esse ator!

    ResponderExcluir
  7. Olá Pedrita
    Achei escuro, triste, até a trilha sonora é pesada.
    Fiquei indignada com aquela cena em que ninguem parece achar estranho "o outro", e qd perguntam: Não parece com alguém?
    Tem o mérito de ser adaptação do livro de Dostoiévski, mas achei que lembra Kafka rsrs
    Provavelmente eu não entendi o filme :/
    Bjs Luli

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. luli, o duplo causa desconforto realmente. e é absurdamente irritante o carismático mau caráter. acho q vc se incomodou com ele e não suportou o filme. tb me senti assim. por isso achei o filme incrível.

      Excluir
  8. Nossa, não conhecia, essa sinopse realmente me fisgou, agora vou procurar o filme para assistir . bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu tb. se nao fosse a matéria no facebook não tinha me interessado.

      Excluir
  9. fiquei curiosa pelo livro. tem esse mesmo nome. quanto ao personagem safado é sempre o preferido de todos. na vida vemos isso em todos os lados....não é nada de surpreso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fatima, tb fiquei interessada pelo livro. sim, muito real a trama.

      Excluir

Bons comentários!