sábado, 27 de maio de 2017

Depois da Terra

Assisti Depois da Terra (2003) de M. Night Shyamalan na ClaroTV. Eu tinha muita vontade de ver esse filme porque gosto de ficção científica e porque tinha lido que o pai e o filho contracenavam juntos, Jaden Smith e Will Smith. Eu só vi que é desse diretor que não gosto depois que comecei a assistir e estava interessante, continuei. Gostei do roteiro e é do Will Smith. E gostei muito desse pôster.

O filho não consegue ser um Ranger. A relação dele com o pai é tensa. A mãe insiste que o filho precisa ir em missão com o pai, que precisa estar com o pai, mesmo ainda não sendo um Ranger. Por pressão e a contragosto o pai aceita. Um acidente faz os dois serem os únicos sobreviventes da nave que cai na terra. Tudo na terra agora é para atacar e expulsar os humanos. É nesse momento que o filme fica belíssimo, que locações. Amei a Terra nesse momento. Inúmeros animais, mata fechada. fizeram muito bem de expulsar os humanos que continuam destruindo a terra. Essa nave leva um monstro alienígena para lá. 

O pai fica muito ferido. Uma parte da nave caiu dias de distância da outra parte e o garoto precisa buscar um simulador. A parte tecnológica é muito interessante. O ar é impuro para humanos. Ele leva umas cápsulas para respirar diariamente. E tem contato por um visor com o pai que o ajuda, claro que até certo ponto. Muito bacana a roupa que muda de cor, camaleônica, e pode com isso avisar de perigos conforme a cor que fica. Acho que o que é mais bobo é o monstro alienígena, mas só aparece no final. E tem uma piadinha no final de um mal gosto insuportável. Lindo o filho do Will Smith. Eu já tinha visto os dois atuando juntos no filme À Procura da Felicidade, com o filho criança, e muito fofo. As locações foram na Costa Rica, Pensilvânia e Califórnia. Ainda aparece no filme as belíssimas Sophie Okonedo e Zöe Kravitz.



Beijos,
Pedrita

14 comentários:

  1. Particularmente acho que Will Smith já desempenhou outros papéis paternos melhores em sua carreira. Inclusive recentemente no filme "Beleza Oculta". Mesmo assim sempre acho o astro um bom programa até quando ele não quer trabalhar.

    bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. marcelo, a atuação dos dois é bem fraquinha, beirando a canastrice, mas é um filme visualmente muito bonito.

      Excluir
  2. Gosto dos filmes de Shyamalan, mas este acabai deixando passar.

    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Já comecei a ver este filme duas vezes e acabei por desistir de assisti-lo, por achar que estava sendo monótono, rsrs. Talvez devesse ter insistido.

    ResponderExcluir
  4. Oi Pedrita, essa dupla é fera, não sou muito fã de ficção cientifica, parabéns pela resenha, bjus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ah. eu gostei mais da ficção e do que da dupla. fraquinhos os dois.

      Excluir
  5. achei da hora esse filme assisti 3 vezes,muito bom sou fã dos dois http://unhasdaraquel.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ah, eu gostaria de ver as imagens da mata novamente.

      Excluir
  6. Oláááááááá Pedrita
    Ooowwnnnn vc não gosta do Shyamalan ... adoro O Sexto Sentido e Sinais, assisti Fragmentado na semana passada.
    Siiiiiiim gosto bastante do Will Smith e também acho que o Jaden trabalha muito bem (gostei bastante dele em Karate Kid :)
    Gostei desse filme mais pelo visual mesmo, a fotografia é maravilinda!
    Mas achei o roteiro meio fraquinho, muito recheado de clichês, o trauma infantil, problemas de relacionamento paixfilho, o pai herói, o filho que não consegue seguir a mesma carreira do pai, o sentimento de culpa do pai em relação a morte da filha, um alien que não enxerga e se guia pelo cheiro do medo das pessoas ...
    Mas siiiim cumpre o quesito entretenimento.
    Excelente noite pra ti
    Bjs Luli
    Café com Leitura na Rede


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. luli, detesto esse diretor. só gosto de sexto sentido. o resto é uma viagem total e cafona. sim, o visual é impressionante. sei q ampliaram na computação o numero de repetição de animais. mas é lindo mesmo assim. muito fraquinho o roteiro de clichês. trauminha, monstrinho. mas a selva é tudo.

      Excluir
  7. Esse é um filme é muito bom, assisti várias vezes.
    Eu estou aprendendo a gostar de ficção cientifica, porém
    gostei das imagens.

    Beijinhos ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. andréa, é q é um filme muito mais sobre relações familiares e natureza. tb gostei bastante.

      Excluir

Bons comentários!