sábado, 7 de abril de 2018

Refém do Medo

Assisti Refém do Medo (2016) de Farren Blackburn na HBO On Demand. Adoro esse gênero e a Naomi Watts. Esse filme é bem mais ou menos, recheado de furos, mas dá pra assistir quem ama esse estilo. O nome no Brasil é péssimo. O roteiro é de Christina Hodson.

Começa com a personagem da Naomi Watts vendo o marido levando o filho para um internato, ela parece não querer. Os dois sofrem um acidente e ela fica cuidado do rapaz entrevado. Ao lado da casa ela tem um consultório onde trata de crianças problemáticas. O primeiro furo está aí. O rapaz não faz nada, então como deixam ele horas sozinho enquanto ela atende crianças? Ela não tem nenhum ajudante na casa, para limpeza, para cuidar do rapaz. Muito surreal! O filme até preenche essa lacuna, mas ela como psicóloga teria que ter alguém que ficasse com o garoto no período que ela atende no consultório.

Um dos pacientes é um garotinho, ele foge e vai para a casa dela. Ela vai avisar para virem buscá-lo mas ele some de novo. A polícia não vasculha a casa dela. Todo mundo é incompetente nesse filme. O garotinho é interpretado por Jacob Tremblay, aquele do filme O Quarto do Jack. Coitado, só está fazendo filmes onde os personagens sofrem absurdamente. O que interpreta o filho dela é Charlie Heaton. O médico que dá suporte a psicóloga é Oliver Platt

Beijos,
Pedrita

10 comentários:

  1. Respostas
    1. liliane, pela parte médica talvez gostasse, mas tem furo demais.

      Excluir
  2. Não faz muito o meu gênero, mas lendo a resenha até que fiquei interessada, apesar das suas restrições, rsrs.

    ResponderExcluir
  3. Hello, Pedrita!
    Eu assisti e gostei muito!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. andréa, eu gostei bem menos do que esperava. a perseguição final achei muito longa.

      Excluir
  4. Oi, Pedrita. Olha eu não gosto muito de filmes de suspense rs ;)

    beijos!!

    https://ludantasmusica.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. lu, eu sou meio viciada em filmes desse gênero. de fantasminhas então...

      Excluir
  5. Olá Pedrita
    Mesmo vc dizendo que tem furos no roteiro, como gosto bastantão do gênero vou dar uma chance para a película :)
    Anotadinho aqui.
    Bjs Luli
    Café com Leitura na Rede

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. luli, eu veria tb, mesmo que falassem muito mal pq gosto do gênero. mas quem não curte nem deve perder tempo.

      Excluir

Bons comentários!