sexta-feira, 13 de setembro de 2013

A Festa da Menina Morta

Assisti A Festa da Menina Morta (2008) de Mateus Nachtergaele no Prime Box Brazil. Eu relutei muito em ver esse filme. Sabia que era difícil de assistir, sabia que tinha que ver em um dia que estava com coragem. Achei que esse dia tinha chegado. É realmente um filme difícil. A Festa da Menina Morta é sobre um Santinho. Com um raciocínio torto, o povoado de um vilarejo acredita que uma criança de 3 anos seja Santinho só porque um cachorro trouxe um vestido da Menina Morta pra ele.

A Festa da Menina Morta começa com os preparativos para a próxima festa com o Santinho já adulto. Essa família vive do dinheiro dessa adoração insana a esse rapaz. Ele é bem afeminado, agressivo, maltrata a tudo e a todos. Daniel Oliveira arrasa. Ele sustenta com a fé do povo o seu pai alcoolatra e promíscuo. O pai é interpretado por Jackson Antunes que se relaciona com qualquer mulher do vilarejo e com seu filho.

A Festa da Menina Morta mostra essa insanidade de um povo inculto, sem ter outra festa e outra atividade cultural, segue por crendices. Mesmo aqueles que não acreditam, como o irmão da Menina Morta, ele se sente coagido a pedir a benção e levar o Santinho na procissão. Parece não haver escapatória para esse povoado. Esse irmão é interpretado por Juliano Cazarré. Outra personagem é interpretada por Dira Paes. Cássia Kiss e Paulo José fazem participações. As filmagens foram realizadas no município de Barcelos no Amazonas.

Beijos,
Pedrita

14 comentários:

  1. Oi Pedrita
    vim através do convite feito pela Liliane
    Seu blog transpira cultura
    eu gosto!
    sobre o filme, ainda não assisti. Já vi um trechinho na tv.
    Uma boa recomendação. Filmes assim são sempre interessantes e devem ser assistidos.
    bj
    Zizi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. zizi, obrigada pela visita. amo cultura. adorei o seu blog.

      Excluir
  2. Já ouvi falar desse livro. Na época que foi lançado era bastante elogiado.
    Big Beijos
    Lulu on the sky

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde querida, gostaria de te convidar para participar do sorteio do meu blog com a parceria da Dinha Ponto Cruz, conto com sua presença, fica com Deus, beijinhos!
    http://pontocruzdasamsara.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Pedrita,

    Eu vi na TV alguma coisa sobre este filme e apesar de gostar muito do Mateus Nachtergaele e do pessoal do elenco, sobretudo do Daniel de Oliveira e do Juliano Cazarré (que é filho do escritor "brasiliense" Lourenço Cazarré, que nós, que moramos por aqui, conhecemos bem antes do ator) decidi que não o veria, rsrs. É que de uns tempos para cá eu ando fazendo malabarismos, para aproveitar o meu pouco tempo de lazer .Então tenho cortado alguns filmes, sobretudo os que abordam bizarrices ou são por demais comerciais, rsrs. Mas as vezes eu nem quero ver um filme e acabo o assistindo, se estiver passando na TV. E tudo só para ver o desempenho do diretor e de alguns atores, rsrs.

    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. marly, esse filme precisa de coragem pra ver. não é um filme fácil. tb costumo priorizar algumas obras e acabo declinando outras.

      Excluir
  5. Fiquei curiosa, eu nem sabia desse filme acredita?
    Quanto ao texto do blog, foi apenas inspirações que veem sabe? E eu concordo com tudo que você fala. Precisamos ser feliz com o que temos hoje, inclusive, precisamos agradecer pelos nossos problemas até. Sem eles não teriamos um vida completa.

    Beijos!

    www.pontoemcomum.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ponto em comum, falou-se muito desse filme, ganhou prêmios.

      Excluir
  6. Pedrita, não esse não tenho interesse em vê.
    Mas quem é o santinho? Daniel ou Mateus?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. liliane, quem interpreta o santinho é o daniel oliveira. o matheus é o diretor e não atua no filme.

      Excluir
  7. Oi Pedrita,
    Quando vi o ator me interessei, mas você contando a história me desinteressei!
    Ainda bem que temos você para nos contar um pouquinho do filme.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nina, precisa ter coragem. eu repensei muito tb.

      Excluir

Bons comentários!