sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Twixt

Assisti Twixt (2011) de Francis Ford Coppola no Telecine Cult. Eu não sabia da existência desse filme, coloquei para gravar e vi depois. É estranho, no Brasil está como Virgínia. Eu adoro esse gênero, mas esse filme é esquisito. Sei que o diretor é importante, mas o filme ficava melhor no Telecine Touch, é muito fraquinho e ruinzinho.

Val Kilmer interpreta muito mal um escritor em decadência. Mais canastrão que nunca, se isso é possível, ele segue há uma pequena cidade para fazer o lançamento de seu livro de bruxarias. Ele só vende para o xerife que na verdade quer escrever um livro. Ele vem vindo de cidade em cidade, alcoolatra, em decadência, tem uma mulher insuportável. Ele já vendeu muito do seu primeiro livro, mas agora não escreve nada que preste e depois da morte da filha só bebe. Essa mulher insuportável só grita com ele pelo computador que ela tem contas pra pagar e ele não escreve nada. Não entendi porque ela não vai trabalhar já que o problema é financeiro. Não entendi porque é o marido que tem que trabalhar sozinho. Incompetente ela.
Logo no início eu já adivinhei o final e fiquei bem irritada de descobrir que tinha acertado. Nessa cidade uma adolescente foi morta. O escritor não quer ver o rosto mas eu já adivinhei quem estava ali. Essa ausência de mistério piora o filme ruim. Quando ele dorme ele passa a sonhar e aí o filme é preto e branco e ele passa a ver o que aconteceu no passado. 

O que mais me irritou é que nessa cidade é a aparição de Edgar Allan Poe. Ele tinha ido a cidade para desvendar esses mistérios e não conseguiu. Até aí, tudo bem. O problema mesmo é que o Edgar Allan Poe aparece e começa a ter conversas com o escritor. Nunca vi nada tão ridículo. O ator consegue estar mais canastrão que o protagonista e é interpretado por Ben Chaplin. A menina é a linda Ellen Fanning. O xerife por Bruce Dern. A esposa folgada por Joanne Whalley. O pastor por Anthony Fusco. O policial por Bruce A. Miroglio. A turma do lago que recita Baudelaire também é de chorar. Não entendi porque não ganhou nenhum Framboesa de Ouro.
O trailer é bem lento, o filme é arrastado também.

Beijos,
Pedrita

14 comentários:

  1. O visual da atriz me lembrou de um filme de terro francês!

    Beijos, Pri
    vintage.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pri, esse filme faz muitas referências. mas é esquisito. parece que mais copia do q homenageia.

      Excluir
  2. Bom saber que é fraquinho o filme, mas pelo estilo dele eu não iria assistir mesmo! rsrs...
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. adriana, mesmo q eu tivesse ouvido falar mal eu teria visto pq gosto do diretor e do gênero. e teria a certeza q as críticas estavam enganadas. pena que não. é muito muito ruim.

      Excluir
  3. Olá, tudo bem? Anuncio oficialmente que o blog FABIOTV retornou aos domínios do UOL. O novo endereço é www.tvfabio.zip.net Por favor, atualize na relação dos seus blogs aqui na página. Nos próximos dias, atualizarei com os artigos já divulgados no blogspot. Agora tudo retornará ao normal. Bjs, Fabio www.tvfabio.zip.net

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fabio, que pena que voltou para o uol. os blogs lá são desatualizados tecnologicamente. estarei lá.

      Excluir
  4. Vi o anúncio deste filme ontem no Netflix brasileiro. Fiquei curioso por Val Kilmer e Coppola, dois sumidos, mas parece que se trata de um abacaxi.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. enaldo, não tenho netflix. é um abacaxi.

      Excluir
  5. Fui apaixonada pelo ator Val Kilmer.
    Depois que envelheceu, vi uns 2 filmes que não me encantaram.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. liliane, nunca gostei desse ator. canastrão.

      Excluir
  6. Vi um pedacinho deste filme (sem saber que era do excelente Coppola) e deixei pra lá, pois não gosto deste gênero. É interessante que alguém do calibre deste diretor faça um filme tão ruim, rsrs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. marly, se fosse bom, mesmo não gostando do gênero, teria ficado curiosa. é chato esse filme. não prende.

      Excluir
  7. Eu amo filmes de terror, pode ser qualquer um rsrs...

    Amiga,
    vou entrar de férias e breve voltarei, obrigada por sua amizade!
    Desejo que o seu Natal seja cheio de luz e um 2016 repleto de paz, saúde e muitas realizações junto a sua família!

    Bjs no seu ♥
    Andréa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. andréa, sou como vc, teria visto mesmo q falassem mal. mas esse não impacta. é devagar. boas férias.

      Excluir

Bons comentários!