quarta-feira, 9 de março de 2016

Interestelar

Assisti Interestelar (2014) de Christopher Nolan no HBO on Demand. Eu não estava muito animada em ver esse filme apesar de adorar ficção científica. Sempre que zapeava parava pra ver um pouco e sempre era muito lento em diálogos em salas, sem esse lado espacial do pôster. É que Interestelar é enorme, muito enorme, muitas horas, e realmente tem muito diálogo filosófico, pouca ação. Mas é muito interessante, gostei muito.

Vamos começar do começo. É um futuro distante uma família é fazendeira, as plantações vivem queimando porque há nitrogênio demais, pragas demais, oxigênio de menos. Um engenheiro, interpretado pelo Matthew McCounaughey que está fazendeiro, segue uma pista e descobre galpões da Nasa com equipes de pesquisa. O chefe é interpretado pelo Michael Caine. A Nasa pensa em enviar um grupo de astronautas para outra galáxia, para depois levar alguns sobreviventes da terra. Serão muitos anos. A nave levará também embriões para barrigas de aluguel. Há vários planos na tentativa de achar algum lugar onde os habitantes da terra possam morar.

Esse engenheiro é o único que já foi a lua, já fez viagens espaciais, e esse grupo tenta convencê-lo. Além do grupo ele seguirá com a filha do personagem do Michael Caine interpretada pela Anne Hathaway. São acontecimentos demais, já que o filme é muito longo e complexo. Achei sofrível a interpretação de Matthew McCounaughey. Matt Damon faz uma participação. Ainda nessa equipe da nave está o personagem de David Gyasi
Os filhos do engenheiro crescem e são interpretados por Jessica Chastain e Casey Affleck. Ele se torna um fazendeiro revoltado, ela uma grande pesquisadora. O pai falava muito da importância dos estudos. Linda a menina que faz a Murph criança, interpretada por Mackenzie Foy. A mais velha por Ellen Burstyn. 

Interestelar ganhou Oscar e Bafta de Melhores Efeitos Especiais. No geral o filme é bom, mas uma edição e alguns cortes melhorariam bastante. Os depoimentos iniciais que voltam a aparecer no final são esquisitos. A busca pelo drone demora muito. Não precisava ser tão longo até porque algumas questões ficam em aberto. Eu imagino que quem tenha interesse científico pelo tema deva entender e gostar mais ainda. 

Beijos,
Pedrita

16 comentários:

  1. Eu gostei muito, nem mesmo a longa duração me incomodou.

    É uma trama extremamente complexa e ao mesmo tempo muito bem amarrada.

    Mais um grande filme de Christopher Nolan.

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hugo, eu achei que podia encurtar um pouco. uma boa edição faria muito bem ao filme.

      Excluir
  2. Eu gostei bastante desse filme, só assisti porque meu noivo, que é engenheiro, insistiu muito, então acabei cedendo. Apesar disso, foi uma grata surpresa. Confesso que ficava meio perdida nos termos de física e química e nas questões filosóficas nem tanto, mas achei legal a mensagem que o filme passa, que precisamos cuidar da Terra.

    Beijos, Hel - Leituras & Gatices

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hel, eu imaginei que profissionais das áreas de exatas devam gostar muito. tb foi uma grata surpresa.

      Excluir
  3. Hugo gostou. Mas eu sei que não vou gostar.
    Mesmo acreditando que existam outros mundos, outras galáxias, não me encanto por filmes assim.
    Os atores, gosto demais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. liliane, realmente não sei se vai gostar.

      Excluir
  4. Já ouvi falarem muito mal desse filme, eu nao vi
    big beijos

    ResponderExcluir
  5. Hello Pedrita!
    Eu assisti duas vezes e se possível assisto novamente, amei!

    Beijos ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. andréa, eu talvez veja de novo, ou reveja uns trechos.

      Excluir
  6. Olá, tudo bem? Nesse domingo (em plena manifestação na Paulista), vou acompanhar o musical da Françoise Forton no Teatro Gazeta...Fui no sábado passado no Reserva Cultural assistir Boi Neon e vi que o espetáculo se encerra nesse mês..Bjs, Fabio wwww.tvfabio.zip.net

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fabio, estúpido cupido terá temporada curta. eu fui na estreia. gostei.

      Excluir
  7. Eu amei este filme e quero voltar a vê-lo com calma. Ele aborda muitos temas: relatividade, coneceitos quânticos, amor e o escambáu, e tudo com viés meio que espiritual.

    Beijoca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. marly, eu tb gostei bastante. devo rever trechos.

      Excluir
  8. eu n ouvi bons comentários sobre este filme, bj www.anaherminiapaulino.blog.uol.com.br

    ResponderExcluir

Bons comentários!