domingo, 2 de outubro de 2016

Testemunho da Juventude

Assisti Testemunho da Juventude (2014) de James Kent no HBO On Demand. Faz tempo que vejo esse poster no Now, mas nunca me animei já que o nome no Brasil é péssimo, Juventudes Roubadas. Achava que seria um filme romântico meloso e sem profundidade. Que pena que demorei tanto para ver. Sim, focam no romance da protagonista, mas é muito mais do que isso.

É baseado no livro da escritora inglesa Vera Brittain que se tornou uma grande pacifista. Infelizmente não há um único livro dela traduzido no Brasil. Que triste! Essa foto ilustra bem, é antes da guerra, os quatro jovens e alegres, cheios de planos. Os homens seguirão para Oxford, ela quer ir, mas o pai não deixa. Finalmente ela consegue, estoura a guerra e só ela vai estudar. Ironicamente, só ela poderá estudar, eles irão lutar na guerra.

Ela acaba parando o curso e se inscrevendo como enfermeira voluntária. Depois de um tempo ela quer seguir para ser voluntária na França, onde seu irmão está lutando. Mas ela vai cuidar dos alemães feridos. Ela não quer, mas não aceitam a mudança. Foi fundamental esse convívio porque é quando ela vê que todos sofrem, família, por amor, por dor. Ela vê o quanto a guerra é cruel para todos. Deve ser o início das posições pacifistas da autora.

Alicia Vikander está incrível como Vera Brittain, um pouco jovem para o papel, já que o tempo passa, mas está ótima. O amor da vida dela é interpretado por Kit Harington. Gostei que colocaram todos os conflitos que ocorrem quando a guerra estoura. Os arroubos patrióticos, as insanidades em ir matar o outro pelo patriotismo. As dificuldades de lidar com o amor em tempos tão difíceis. O irmão é interpretado por Taron Egerton. A amigo por Colin Morgan. A mãe por Emily Watson. O pai por Dominic West. A professora por uma atriz que adoro, Miranda Richardson.

Beijos,

Pedrita

12 comentários:

  1. Interessante drama. Vai para minha lista.

    Bjos

    ResponderExcluir
  2. Pedrita,
    Eu gosto de filmes de romance melosos, rs.
    Gostei da resenha, esse não dá pra perder.

    Beijinhos ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. andréa, não curto muito não. mas esse filme é sobre a escritora.

      Excluir
  3. Oi Pedrita,
    Não curto muito drama, prefiro filmes mais leves!
    Big Beijos
    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
  4. Vou gostar. Filmes de época sempre gosto.
    Miranda Richardson sempre encanta nos trabalhos que faz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. liliane, acho q vc vai gostar muito. tb adoro a miranda, mas o papel é pequeno. bem pequeno.

      Excluir
  5. Eu gosto desse gênero de filme e este parece bem bom! rsrs.

    Beijoca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. marly, acho q vai adorar. é muito bom. e principalmente pq é baseado na autobiografia da escritora.

      Excluir
  6. Olá Pedrita
    Que interessante, é um filme que vai além das trincheiras da guerra, não me lembro de ter assistido um filme em que a enfermeira dos aliados tem que cuidar dos alemães que também tem suas famílias e suas dores.
    Como vc disse a guerra é cruel com todos.
    São vidas que se transformam para sempre.
    Ahhhhh Pedrita eu amooo filmes melosos rsrs
    Bjs e ótima semana pra ti
    Luli Café com Leitura na Rede

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. luli, o filme é baseado na autobiografia da escritora que virou uma pacifista. a guerra é ruim para todos. o filme é bem triste.

      Excluir

Bons comentários!