sábado, 31 de julho de 2021

Planetarium

Assisti Planetarium (2016) de Rebecca Zlotowski na Netflix. Gostei demais! Que filme diferente! Elogiam muito essa diretora, quero ver outros de seus títulos. Eu estava sentindo falta de ver um filme diferente, totalmente fora do convencional.  No Brasil está com o péssimo nome Além da Ilusão que absolutamente não tem nada a ver com o filme.


 

Duas irmãs mudam-se para Paris. Vão de trem. Elas vão trabalhar em uma casa noturna que tem um teatro para fazer sessões. A irmã menor vê os mortos, então as pessoas pagam para as sessões. Eu até achei que era tudo encenação, mas depois vemos que realmente a irmã acha que vê as pessoas. Eu adoro a Natalie Portman e gostei demais da Lily-Rose Deep. Eu achava que já conhecia essa atriz, o rosto me parecia familiar, só depois que vi que ela é filha da Vanessa Paradis e a é a cara da mãe.

Um homem se interessa pelo número para o cinema. As sessões não funcionam na tela, mas logo percebem que a irmã mais velha filma muito bem e ela começa a trabalhar no cinema. Ele leva as duas irmãs pra morar na rica casa dele e elas começam uma estranha relação com esse mecenas. Ele é interpretado por Emanuel Salinger. Louis Garrel faz uma pequena participação. O filme é mais os três mesmo, mas alguns outros atores aparecem: Amira Casar, Pierre Salvatori e Damien Chapelle.
Beijos,
Pedrita

12 comentários:

  1. Acho que já vi esse filme que me pareceu confuso.
    Bjs,

    ResponderExcluir
  2. Parece set mesmo um bom filme:))

    .
    Embriagado...pela solidão dos dias.
    .
    Beijo e um excelente fim de semana.

    ResponderExcluir
  3. Acredito que seja mesmo um filme diferente, muito agradável de se assistir.
    .
    Feliz fim-de-semana.
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderExcluir
  4. Queria ver um terço do filmes que tu vê, um mais interessante que o outro. Como sempre fiquei interessada nesse.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pandora, agora podendo parar e voltar a ver vejo bem mais. e nesse tempo praticamente sem trabalho é uma ótima companhia.

      Excluir
  5. Deve ser mesmo diferente e instigante.
    A temática me deixou curiosa.
    Tb gosto muito da Natalie Portman e da Lily-Rose Deep.
    Já levo a indicação.

    Bjs Luli
    https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. A sugestão parece ótima, vou conferir.
    P.S: eu já havia comentado aqui mesmo, que a Lily Rose Depp é filha do Johnny Depp (com a Vanessa Paradis, rsrs)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. marly, sim, eu vi na outra postagem, mas qd a vi no filme não vi o nome e o rosto me parecia muito familiar.

      Excluir

Bons comentários!